Saldo de Empregos - Indústria catarinense recua em junho, mas é a terceira maior do Brasil

Atualizado: 2 de Ago de 2018

O saldo total de empregos em Santa Catarina foi de -4.020 em junho de 2018. Esse desempenho foi o 24º lugar melhor do Brasil no mês, o que se associa ao 3º lugar no saldo de empregos total do ano, com 33.500 novas vagas. Na indústria de transformação, o desempenho catarinense mantém o 25º lugar no mês, com -2.531 vagas de emprego, enquanto no acumulado o saldo total industrial é de 20.633, 3º maior do Brasil, atrás de São Paulo e Rio Grande do Sul. Os setores de destaque no mês são Madeira e Mobiliário Material de Transporte e Mecânico.


Na Indústria de Transformação, em junho de 2018, o saldo foi de -2.531, variação de -0,38% em relação ao estoque do mês anterior, colocando o Estado no 25º lugar entre as UF’s, enquanto que em primeiro lugar ficou Maranhão (2.260).


Em Santa Catarina, o líder no mês é o setor Madeira e Mobiliário, com 65 novos postos de trabalho, também se destaca o setor de Material de Transporte (53 vagas). Estes foram os únicos setores que tiveram desempenho positivo no mês. Por outro lado, o setor de Têxtil e Confecção se destaca negativamente por apresentar saldo negativo de quase 1,5 mil postos de trabalho.

No comparativo com os meses de junho dos oito anos anteriores, percebe-se que o mês é comumente associado à menor atividade industrial, sendo que 2013 foi o último ano que apresentou saldo positivo no mês. Já no comparativo do acumulado do ano, o desempenho atual é superior aos últimos anos, sendo menor apenas que em 2014 e nos anos antecedentes a ele.



Entre os municípios, os três maiores desempenhos ficaram entre Joinville (4.994), Blumenau (3.836) e Chapecó (2.407). Do lado oposto ficaram Balneário Camboriú (-1.714), Florianópolis (-1.678) e Laguna (-216). No mês, destacam-se Navegantes com o maior saldo em termos absolutos (70 novos postos de trabalho), seguido por São Francisco do Sul (com 57) e Criciúma (com saldo de 48). O pior desempenho fica para Blumenau, com uma perda de -519 postos. Além dele, Mafra (-321) e Tubarão (-269) também tiveram desempenho negativo.


Informações regionais e setoriais podem ser vistas com mais detalhes no Painel de Informações do Saldo de Empregos, no Portal Setorial da FIESC.

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

Iniciativa da FIESC - Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina

Rod. Admar Gonzaga, 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001