Reajustes, Argentina e aumento da gasolina, as matérias de quinta-feira


As matérias econômicas povoaram os jornais desta quinta-feira por vários motivos. Aqui no Brasil, o presidente Michel Temer cedeu ao reajuste de servidores, conforme divulgado pelo Correio Braziliense. Esta medida, que a equipe econômica do governo queria adiar para 2020, estará no orçamento de 2019 e deve incrementar os gastos com pessoal. Considerando o reajuste de 16,38% ao Judiciário, a correção dos vencimentos dos militares e demais custos, o reajuste deve somar pelo menos R$ 15 bilhões. Além disso, o aumento do teto salarial do funcionalismo público, para R$ 39 mil, abre um efeito cascata para os demais servidores em toda esfera pública.


Além deste aumento dos custos, o consumidor também pode esperar um novo ajuste dos preços da gasolina, marcado para esta quinta-feira. Com esta nova alta anunciada pela Petrobras, será alcançado o maior patamar da história, desde que foram os adotados os reajustes diários, conforme informa o G1.


No cenário internacional, ganha destaque a situação econômica da Argentina. Após alcançar mínima histórica no valor de sua moeda, foi anunciado um adiantamento do FMI para cumprimento do plano financeiro. O Presidente Macri declarou que esta decisão visa eliminar incertezas que possam ter surgido em relação ao contexto internacional. A partir do financiamento, Macri crê que vai fortalecer a confiança e o crescimento econômico do país.


Confira todas as matérias de destaque.


Cenário Econômico

Petrobras anuncia alta da gasolina nas refinarias a partir de quinta e valor chega a recorde - G1


BC tem lucro de R$ 165,9 bi no 1º semestre; valor será repassado ao Tesouro - UOL


Dívidas de 46% dos inadimplentes não serão pagas nos próximos 3 meses - Agência Brasil


Cenário Internacional

Peso argentino atinge nova mínima histórica, em meio a acordo para antecipar ajuda do FMI - G1


Argentina anuncia adiantamento do FMI para cumprir plano financeiro - Valor


Crescimento do PIB dos EUA no 2º trimestre é revisado para cima a 4,2% - UOL


Trump flexibiliza tarifa de aço importado do Brasil - Estadão


Política

Banco Mundial propõe fim da dedução de gasto com plano de saúde no IR - Época


Reajuste para funcionalismo, militares e STF custará R$ 15 bilhões em 2019 - Correio Braziliense


Foto Valter Campanato/Agência Brasil

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • LinkedIn - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco

Iniciativa da FIESC - Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina

Rod. Admar Gonzaga, 2765 - Florianópolis/SC - 88034-001